11 de setembro de 2011

E julga-se esta gente evoluída (?!?)

"Um touro foi, este sábado, à tarde abatido ilegalmente na vila medieval de Monsaraz, no Alentejo, no final de uma novilhada popular, cumprindo uma tradição reivindicada pela população local."
JN| 11.9.2011

Acabo de ler este artigo e, por pouco, não vomitei. Literalmente.
Mais um touro abatido, a pedido da população que reclama a continuidade de uma "tradição".
Pergunto-me: Como é que, em pleno século XXI, ainda há gente a pensar desta maneira?
Qual é a necessidade macabra destas pessoas em verem um animal a sangrar, perdido, com a língua descaída de exaustão, a tentar defender-se de pessoas que o atacam e espicaçam?
A sério, alguém pode explicar-me isto muito bem explicadinho? Que crueldade! Nem os animais fariam isso a eles próprios e são animais.
Então, o que pensar de pessoas que o fazem? Para mim, estão abaixo dos animais. Deviam entreter-se umas com as outras. Um homem a fazer de touro, outros quantos a toureá-lo. Um homem a ser picado nas costas e a sangrar, outros tantos a tentar enfurecê-lo. Por fim, e em nome da tão apregoada "tradição", matavam-se todos uns aos outros. Era lindo de se ver!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Imagens/Pictures

Todas as fotografias aqui publicadas, salvo alguma referência em particular, são retiradas da internet. Agradeço que me informem, via e-mail, caso alguma esteja protegida pelos direitos de copyright. Retirá-la-ei de imediato.

Almost all pictures posted here are taken from the internet. If you have copyright over any of them, send me an e-mail and I will take it out.

RegistoCriativo Copyright 2008 Shoppaholic Designed by Ipiet Templates Image by Tadpole's Notez