27 de setembro de 2011

É como me sinto!

Segunda-feira
Terça-feira
Quarta-feira
 Quinta-feira
 Sexta-feira
 Sábado
Domingo


25 de setembro de 2011

É como me sinto!

Feliz! Não me perguntem porquê,
mas acreditem que tenho excelentes
razões para me sentir assim. Grata e reconhecida.

Momentos de puro prazer

A outra face do sonho

Sou de opinião de que, desde cedo, deveríamos ser alertados para as dificuldades da vida. Todos sabemos que alguns têm-na mais facilitada do que outros, mas para a grande maioria, a vida é feita de momentos difíceis cuja resolução requer empenho e dedicação constantes e muito trabalho. Por regra, vencem os mais persistentes e obstinados. 

A minha nunca foi fácil.
Aos oito anos de idade, vi-me obrigada a abandonar a minha terra natal e uma vida bastante confortável para começar tudo de novo, num país que me era completamente desconhecido.
Na companhia dos meus pais e irmãs, abandonei Angola. Como bagagem, trazíamos a roupa que tínhamos vestida. Apenas e só. Para trás, ficou toda uma vida. Projectos inacabados. Sonhos não realizados.
O começo foi difícil. Os hábitos e os costumes não eram os mesmos. Acabámos por sobreviver. As dificuldades mais relevantes foram ultrapassadas. A vida seguiu o seu rumo.

Para concluir a minha licenciatura, vi-me forçada a trabalhar durante o dia e a frequentar a Universidade em horário pós-laboral. Abdiquei de ter vida própria durante anos a fio, mas o sonho concretizou-se.

Dei o meu melhor para educar e acompanhar um filho que é hoje o meu orgulho. A minha razão de viver. O meu melhor Amigo.

Profissionalmente, sinto-me realizada. Faço o que gosto.

Ao longo destes anos, momentos houve em que o desânimo e as dificuldades eram de tal forma acentuados que senti vontade de baixar os braços. De render-me. Não o fiz. Porque foi precisamente nessas alturas e quando eu menos esperava que, vindo não sei bem de onde, surgia o apoio de que eu tanto necessitava. Uma mão amiga era-me estendida e retirava-me do fundo do poço.

A história repetiu-se, uma e outra vez. E volta a repetir-se. Sempre!

Estes episódios sucessivos levam-me a crer que existe uma força maior que sustenta todos estes momentos. Que não será apenas e só a vontade de vencer que me impulsiona e ajuda a seguir em frente. Que me dá a coragem necessária para erguer-me, depois de uma queda.

A minha fé em Deus é inabalável. Estou consciente de que, a Ele, devo tudo o que sou  e tudo o que tenho. A vida, a saúde, a família, os amigos, o trabalho e todos os outros pequenos "mimos" com que vou sendo brindada.

Eu sonho, acredito que sou capaz, esforço-me por concretizar as metas que me proponho alcançar e conto SEMPRE com a Sua ajuda. Reservo-a para os momentos difíceis, de desânimo, mas nunca deixo de acreditar. Porque sei que, quando menos espero, Ele estende-me a mão. Uma e outra vez!

Tenho a noção de que são imensas as pessoas que poderão pensar da mesma forma, por estas ou por outras razões. E felizmente que assim é. Por isso, SONHE, ACREDITE, LUTE E VENÇA.

"Eles não sabem, nem sonham,
que o sonho comanda a vida,
que sempre que um homem sonha
o mundo pula e avança
como bola colorida
entre as mãos de uma criança."
António Gedeão - Pedra Filosofal

Das fotos com vida

20 de setembro de 2011

Eu gosto de fazer palavras cruzadas

Faz parte daquele grupo de pessoas que passam imenso tempo na casa de banho? Então, estas imagens são para si. Dê largas à sua imaginação. Seja criativo e torne esses momentos mais divertidos e descontraídos.
O produto está disponível em vários tamanhos e formatos e pode ser usado por técnicos de todas as áreas: humoristas, músicos, escritores, matemáticos, etc.  

18 de setembro de 2011

Pinóquio? Quem? Eu?

O senhor fartou-se de chamar mentiroso e incompetente ao engenheiro Sócrates. E agora? Pergunto eu. Não deveria ir fazer-lhe companhia? Ajudá-lo a concluir os estudos em Paris? Parece-me que sim. Seria uma atitude sensata da parte do Sr. Dr. Alberto João Jardim deixar vago o cargo que ocupa.
Já não há pachorra para tantas aldrabices. Irra!!
Espero que alguém se lembre de oferecer
um presentinho ao cavalheiro.

I like when you...

Das coisas que se usam,...

...mas que eu não pretendo usar. Que exagero! Um anel deste tamanho já me parece grande demais e vários então, por favor! Creio que preferia trazer ao pescoço umas luzinhas daquelas que compramos para colocar na árvore de Natal.

Em quem pensar, agora, se não em ti?

Tu, que me esvaziaste de coisas incertas,
e trouxeste a manhã da minha noite…

Nuno Júdice (Pedro, lembrando Inês)

Cruzes! Credo!

Victoria Beckham

Dava tudo para vê-la caminhar na calçada portuguesa.
Quem é que, no seu juízo perfeito, segura num bebé ao colo com umas andas como estas nos pés? Ai, Senhor!

13 de setembro de 2011

Notícia do dia!!

A angolana Leila Lopes, de 25 anos, foi eleita na noite de segunda feira (madrugada de terça feira em Lisboa) Miss Universo 2011, numa cerimónia realizada em São Paulo, no Brasil.
A minha conterrânea é linda!! Parabéns Leila (^_^)

12 de setembro de 2011

E venham de lá outros tantos!!

25 anos... quem diria!! lololololol

Porque hoje é o meu dia!

Sinto-me grata, por tudo de bom que me aconteceu nestes últimos 365 dias.
Agradeço-Lhe por me ter conservado a vida, a saúde, a família, os amigos, o trabalho e todos os outros "mimos" com que vou sendo brindada.
Por todas estas grandes dádivas... o meu sincero agradecimento. Amo-Te muito!!

A bandeira alemã a meia haste. Já!!

Por sugestão do comissário europeu da Energia, o alemão Gunther Oettinger, "as bandeiras dos pecadores da dívida poderiam ser colocadas a meia haste nos edifícios da União Europeia", como meio dissuasor.
Pois muito bem, mediante uma proposta tão radical como esta, parece-me justo que os países da UE questionem o senhor comissário Oettinger sobre a razão pela qual não foi mantida a meia haste, durante todos estes anos, a bandeira daquele país depois de terem sido cometidas as piores atrocidades aos muitos milhares de homens, mulheres e crianças vítimas do Holocausto. E o pior de tudo... sem nenhuma razão que o justificasse. Este sim, parece-me ser um forte motivo de vergonha nacional.
Haja paciência!

11 de setembro de 2011

Das coisas que eu gosto

Com o devido respeito... hello!! ...

...Viverá Sua Santidade no Planeta Terra?
O papa Bento XVI aconselhou, este domingo, os futuros casais a não "queimarem etapas" no seu amor, durante um encontro na cidade italiana de Ancona com cerca de 500 casais de "jovens noivos". Eu até entendo que a intenção não poderia ter sido melhor. Fez o papel que lhe compete, como se de um pai se tratasse. Contudo, tendo em consideração os dias que correm, parece-me quase anedótico acreditar que, entre os 500 casais, houvesse APENAS UM que não tivesse queimado já todas as etapas que havia para queimar. Pois se até os que são casados não respeitam as juras e os votos que fazem aquando da celebração do matrimónio, porque razão haveríam os noivos de respeitar?
A cada dia que passa vou estando mais incrédula com a falta de escrúpulos e de valores que reina na nossa sociedade. Salvaguardando as raras excepções, o que se vê, no dia-a-dia, dá-nos legitimidade para pôr em questão até a genuinidade da união, através do casamento, entre duas pessoas.
Valerá a pena casar apenas por casar? Creio que a maioria dos casais decidem contrair matrimónio apenas pela cerimónia em si. Pela preparação e realização do evento. A festa propriamente dita. No dia seguinte, cada um vai à sua vida e é o salve-se quem puder. Hoje trai o marido, amanhã trai a esposa. O marido não pode dizer nada, mesmo que venha a ter conhecimento da traição porque também já o fez vezes sem conta e tem a consciência pesada. Decide calar-se. E as uniões vão-se "arrantando", até que um dia um deles perde a cabeça e decide jogar tudo para o alto e começar uma nova vida. E a história repete-se. Uma e outra vez.
Nos locais de trabalho as pessoas vendem-se por dá-cá-aquela-palha.
A troco de uma promoçãozeca, de uma acção de formação ou de uma viagem deitam-se até com o porteiro, se fôr necessário.
Quem detém o poder de decisão aproveita-se dessas "vendidas" para passar um bom bocado. É troca por troca.
Eu não critico que as pessoas se relacionem no local de trabalho. Desde que sejam livres, desimpedidas e que não usem as funções que exercem para beneficiar "A" ou "B" sendo que, para isso, por vezes se prejudique, sem motivos para tal, "C" e "D".
Baaahhhhh!! Vou só ali regurgitar. Volto já!

O Domingo parece-me ser o dia da semana mais interessante...

... vá-se lá perceber porquê! (^_^)
Espero que o vosso dia tenha sido tão reconfortante como o meu.
Já agora, tenham uma óptima semana.

O Sol voltou!

Depois de um Sábado salpicado de chuviscos, o São Pedro resolveu brindar-nos com um dia ensolarado de Domingo. Nós ficamos-lhe gratos.
Eu aproveitei a tarde para reavivar o meu bronzeado. Venham muitos dias assim.

E julga-se esta gente evoluída (?!?)

"Um touro foi, este sábado, à tarde abatido ilegalmente na vila medieval de Monsaraz, no Alentejo, no final de uma novilhada popular, cumprindo uma tradição reivindicada pela população local."
JN| 11.9.2011

Acabo de ler este artigo e, por pouco, não vomitei. Literalmente.
Mais um touro abatido, a pedido da população que reclama a continuidade de uma "tradição".
Pergunto-me: Como é que, em pleno século XXI, ainda há gente a pensar desta maneira?
Qual é a necessidade macabra destas pessoas em verem um animal a sangrar, perdido, com a língua descaída de exaustão, a tentar defender-se de pessoas que o atacam e espicaçam?
A sério, alguém pode explicar-me isto muito bem explicadinho? Que crueldade! Nem os animais fariam isso a eles próprios e são animais.
Então, o que pensar de pessoas que o fazem? Para mim, estão abaixo dos animais. Deviam entreter-se umas com as outras. Um homem a fazer de touro, outros quantos a toureá-lo. Um homem a ser picado nas costas e a sangrar, outros tantos a tentar enfurecê-lo. Por fim, e em nome da tão apregoada "tradição", matavam-se todos uns aos outros. Era lindo de se ver!!

5 de setembro de 2011

Queen - Love of My Life

Se fosse vivo Freddie Mercury fazia hoje 65 anos.
A melhor banda e a melhor voz de todos os tempos.

Já cheira a Outono!

Ohhhhh... snif, snif! Eu adoro o Verão.

O Google continua a surpreender

Página inicial do Google mistura arte e tecnologia nos seus 'doodles'.
MOUNTAIN VIEW, EUA / Califórnia — Um tributo a Freddie Mercury, lendário vocalista da banda de rock "Queen", encantou os utilizadores do site de buscas Google em todo o mundo.
O vídeo de animação, publicado na página inicial do site de buscas para comemorar o 65º aniversário de nascimento do falecido Mercury, foi o passo mais recente na evolução dos "doodles", que começaram com desenhos rudimentares. Visite o site e veja o vídeo.

4 de setembro de 2011

Lady Antebellum - I Run To You

True!



A minha princesa é única!

Vou contar-vos a última peripécia da Beatriz.
Esta criança é extremamente inteligente e desenvolvida demais para a idade que tem (22 meses).
Aprende tudo com imensa facilidade. Temos de ter muito cuidado com o que se diz ao pé dela.
A menina ouviu-me a arrotar e como mandam as regras da boa educação, levei a mão à boca e pedi perdão.
Um dia depois vi-a fazer exactamente o mesmo. Elogiei-a e expliquei-lhe que as pessoas bem educadas comportam-se dessa maneira. Ela ficou toda satisfeita.
Ontem, estávamos as duas a comer um gelado e ela deu um traque. Coitadinha, ficou muito envergonhada. Olhou para mim, levou a mãozinha à boca e disse: "Perdão, tia."
Não me contive. Tive de rir-me e obviamente, expliquei-lhe a diferença entre uma coisa e outra e que esta segunda, nunca se faz em público ou perto de alguém.
É por estas e por outras que eu adoro crianças. Santa inocência!

Think Pink

Ohhhh!!!!

Não está certo. Cada vez que tomo banho fico com a sensação de ter perdido mais um pouco do meu bronzeado. Estava tão giro! Estou amuada.
Já sei no que está a pensar, mas não. Essa não é a solução. Adoro tomar banho.

E agora... as férias!

Depois de um período de trabalho conturbado, consegui ausentar-me de férias com aquela sensação gostosa de dever cumprido. Deixei concluídos os relatórios que tinha pendentes e parti.
Não, não fui para os EUA. Eu sei. Ultimamente, a grande moda parece ser mesmo essa...fazer-se uma viagem para os states. Aliás, basta fazermos uma consulta aos blogues mais conhecidos para verificarmos que não existe nenhum bloguer que não tenha divulgado já as fotos da dita viagem. Porque "é bem".
Pois eu instalei-me na costa alentejana. Primeiro porque o meu salário não me permite meter-me em grandes aventuras e depois porque tudo o que eu mais quero e preciso, neste momento, é de descanso.
Escolhi um local que já me é familiar. O que mais aprecio? A simplicidade e humildade dos seus habitantes, o sossego que paira naquele lugarejo, as paisagens fantásticas, a imensidão daquele mar cristalino e o areal imenso.
No Carvalhal pude saborear o melhor peixe da região, umas bolas de Berlim deliciosas e os melhores caracóis do país. 
A companhia foi agradável. O que eu me diverti com a minha pipoquinha, a Beatriz.
Detestei o ataque cerrado que nos fizeram os mosquitos. Ganhei uma enorme aversão àqueles bichos.
 O ferry boat que faz a travessia Setúbal/Tróia.
 O pôr-do-sol, visto do Sado.
A praia do Carvalhal
 Um final de tarde, na praia.
 O Restaurante dos Pescadores
As famosas bolas de Berlim
 

Imagens/Pictures

Todas as fotografias aqui publicadas, salvo alguma referência em particular, são retiradas da internet. Agradeço que me informem, via e-mail, caso alguma esteja protegida pelos direitos de copyright. Retirá-la-ei de imediato.

Almost all pictures posted here are taken from the internet. If you have copyright over any of them, send me an e-mail and I will take it out.

RegistoCriativo Copyright 2008 Shoppaholic Designed by Ipiet Templates Image by Tadpole's Notez