13 de maio de 2010

As pessoas depositam a sua Fé em Deus e não nos homens...

Hoje é um dia particularmente feliz, para mim. É dia 13 de Maio, dia de Nossa Senhora de Fátima.
Sabem, a minha relação com Deus é muito especial. Sou católica, embora não praticante. Apesar de visitar imensas vezes a Sua casa, gosto de ir à missa apenas quando sinto necessidade. É nestas minhas visitas à casa do Pai que obtenho o conforto e a paz de espírito de que tanto necessito. Porque converso com Ele do mesmo modo que conversava com o meu pai. Já tive oportunidade de referir em alguns dos posts que divulguei que o meu pai sempre foi o meu ídolo e o meu melhor amigo e, quando temos a infelicidade de ver partir um amigo assim, os nossos dias tornam-se mais difíceis de gerir e as horas transformam-se em séculos.
Durante o meu percurso de vida passei por alguns momentos complicados. A perda do meu pai foi, sem margem para dúvidas, o pior de todos eles. O curioso é que foi exactamente nesses momentos mais adversos que senti, de forma mais intensa, a minha proximidade com Deus. Porque Lhe estendi a mão. Pedi ajuda. Necessitei de forças que não tinha para me erguer e prosseguir o meu caminho. E Ele estava lá. SEMPRE! Para me ouvir e ajudar. Os dias sucederam-se e a vida seguiu o seu rumo. Aprendi. Aprendi e cersci imenso. Reforçei a minha Fé e a minha aliança com Ele. Agora, encaro cada dia que passa com maior tranquilidade porque sei que, quando voltar a enfrentar um dia menos bom, Ele estará lá... para me ouvir e ajudar. Esse é o mau maior conforto. São todas estas vivências que me permitem, hoje, dizer com toda a confiança que a minha Fé em Deus é inabalável. Porque tenho provas dadas. Aconteça o que acontecer, digam o que disserem, ninguém poderá destruir este sentimento que é só meu.
A vinda a Portugal de Sua Santidade, o Papa Bento XVI é, para mim, um momento de alegria. Um evento de que todos nós nos devemos orgulhar.  Sendo ele o sucessor, na terra, de Alguém que tanto respeito, não poderia encarar este acontecimento de outra forma. Que seja bem-vindo e que nos abençoe. A TODOS. Porque bem precisamos.
Foi muito bonito, comovente até, observar os muitos milhares de pessoas que se deslocaram de todo o país para o receber e acompanhar. As crianças e os jovens embelezaram os locais por onde ele passou. Quer queiramos, quer não, parece-me que podemos e devemos tirar daqui algumas ilações.
AS PESSOAS DEPOSITAM A SUA FÉ EM DEUS E NÃO NOS HOMENS.
Foi, contudo, evidente, a polémica que se gerou em torno da visita do Papa ao nosso país. E confesso que até entendo que a sua vinda a Portugal tenha incomodado algumas pessoas que pretendem dar às diversas formas da vida social um carácter não religioso.
É notório que a igreja católica atravessa um dos piores momentos da sua história e, a verdade se diga, houve quem contribuísse para isso. Não me serve de nada querer escamotear a verdade - alguns padres adoptaram comportamentos que considero absolutamente lamentáveis. Como homens que são deverão responder perante a Justiça pelos actos que praticaram. Considero até que estas pessoas têm uma responsabilidade acrescida, face aos restantes cidadãos. Porque foram preparados e educados para proteger e para servir. Para serem uma referência para os jovens. Um exemplo a seguir. 
O que creio que não poderemos nem deveremos nunca permitir é que Cristo seja martirizado e  crucificado uma segunda vez; que seja Ele a responder e a "pagar" pelas acções dos seus filhos.
Eu sou mãe. O meu filho é a luz dos meus olhos. A minha razão de viver. Admito que morreria de desgosto se, um dia,  viesse a ter conhecimento de que ele maltratou ou violou alguém mas, reprovaria a sua atitude, com certeza!!! E por mais que me custasse teria que aceitar que ele repondesse pelo que fez. Pelo sofrimento que, eventualmente, pudesse ter causado a alguém. O que não seria justo é que fosse eu a sofrer as consequências dos actos que ele praticou.  
É assim que vejo e encaro estes acontecimentos que têm vindo a público, relativos a vários casos de maus tratos e de abuso de menores por parte de alguns padres. Não posso crer que Deus esteja feliz ao saber que várias crianças de todo o mundo foram violadas e maltratadas por filhos seus. Onde quer que Ele esteja, está em sofrimento!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Imagens/Pictures

Todas as fotografias aqui publicadas, salvo alguma referência em particular, são retiradas da internet. Agradeço que me informem, via e-mail, caso alguma esteja protegida pelos direitos de copyright. Retirá-la-ei de imediato.

Almost all pictures posted here are taken from the internet. If you have copyright over any of them, send me an e-mail and I will take it out.

RegistoCriativo Copyright 2008 Shoppaholic Designed by Ipiet Templates Image by Tadpole's Notez